terça-feira, 13 de dezembro de 2011

Mãe em Paz

Postado e Escrito Por Renata Palombo
Minha mãe tem duas filhas, eu com 30 anos e minha irmã com 27. Ambas já saímos de casa e minha mãe deveria estar em PAZ...

Estou recém operada, saí do hospital na ultima 4ª feira e quem passou comigo as 24 horas que eu fiquei internada foi minha mãe. Sexta feira minha irmã deu a luz a seu primeiro filho e quem ficou 12 horas esperando o trabalho de parto, entre outras pessoas, foi minha mãe.

Eu ainda estou em recuperação e hoje quando todo mundo saisse para seus afazeres eu ficaria sozinha em casa. Não achei muito interessante ficar sozinha nesta condição em que me encontro, então decidi dormir (de ontem pra hoje) e passar o dia na casa da minha mãe. Hoje também minha irmã e seu bebê recém nascido sairiam do hospital e quem poderia recebê-los e ajudar nos cuidados com o bebê se nao fosse minha mãe??

Durante toda a manhã, enquanto eu repousava sem muito poder o que fazer, assisti minha mãe correndo como "doida" de um lado para o outro, preparando sopa para o almoço, lavando e passando o lençol da puérpera e do bebê, remanejando os quartos da casa para conseguir hospedar todo mundo com muito conforto, atendendo a todas as ligações da família que buscavam por informações sobre nossa saúde... e pensei: "Puxa vida!!! Será que mãe nunca tem PAZ???"

Logo a tarde chegou o tão esperado netinho!!! Ajuda o genro a descarregar o carro, recebe o pequenino com amor, ajuda nos cuidados básicos, organiza as coisas do bebê, dá remédio pra mim, dá remédio pra minha irmã, termina de preparar a sopa, continua a atender as ligações, vai comprar pão, dá notícias para as vizinhas, lava todas as roupas que o bebê trouxe do hospital...  Eu pensei: "Já somos adultas!!! Será que mãe nunca tem PAZ?"

No final da noite meu marido e filhos foram me buscar! Casa cheia! Naty conta as novidades da escola, Diego conta piadas e joga futebol no meio da sala... Todo mundo ficou para o jantar. Nem eu e nem minha irmã podia ajudar... Pensei: "Parece que o trabalho dela só aumentou. Será que mãe nunca tem PAZ?"

Eu voltei  pra minha casa. Minha irmã, o marido e o pequeno bebê ficaram por lá... provavelmente perderão algumas horas de sono durante a noite.

Eu pensei: "Senhor, quando será que minha mãe terá PAZ??"

Quando fui me despedir percebi que minha mãe estava muito cansada, mas FELIZ!!!

Porque será que ela estava feliz??? Acho que é porque estava em PAZ!!!

4 comentários:

Célia disse...

Que lindo!

Anônimo disse...

Amiga, mãe é para tudo. Não esquenta, pois as forças que nos acomete é algo divinamente inexplicável, e, saiba que você tem o maior presente que um ser humano pode possuir.
Ame-a, abraçe-a, beije-a e agradeça-lhe, pois viver sem elas é um desafio constante.

Simone

Juliana disse...

Vc e suas percepções!!!! Adorei, adorei e adorei

Renata Palombo disse...

Simone, vc está certa querida!! Precisamos aproveitar e dar muito valor as nossas mães!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...