sexta-feira, 28 de setembro de 2012

O lanche escolar

Postado e Escrito por Renata Palombo


Uma coisa que me preocupa bastante é a alimentação dos meus filhos. Eu sou super encanada. Estou sempre atenta à quantidade de água que bebem e a frequência em que as verduras e os legumes estão no prato deles. Incentivo a ingestão de frutas e dentro do possível vario muito no cardápio. Me arrepio de medo quando leio matérias sobre os efeitos dos agrotóxicos e trangênicos na saúde dos seres humanos.

Quanto aos doces, frituras e bugigangas infelizmente não consigo privá-los, pois adoram,  já são grandes e mundo está cheio destas ofertas "deliciosas"... não os privo mas também não favoreço a livre demanda.

Esta minha preocupação também aparece na hora de preparar o lanche escolar deles. Muitas vezes, com a correria do dia a dia, os alimentos industrializados acabam sendo bem mais faceis e práticos para o lanche escolar, mas me esforço bastante para preparar lanches saudáveis todos os dias e evitar ao máximo os industriais.

Procuro fazer combinações coloridas, saborosas e saudáveis, que levem todos os nutrientes necessários.

Para os lanches escolho pães integrais, desta forma aumento a quantidade de fibras na alimentação deles. Como evito o uso de produtos de origem animal, costumo rechear os sanduíches com patês caseiros, tais como patê de beringela, de cenoura, de grão de bico, de tomate, maionese de soja, entre outros... geléias caseiras também são uma boa pedida apesar de que aqui em casa ninguém gosta muito de pães com recheios doces.

Quando tenho tempo asso hamburguers para rechear o pão, preciso de tempo porque uso hamburguers caseiros de soja, lentilha, berinjela... óbvio que não é sempre que dá tempo de fazê-los, né? Então fica esta opção apenas para de vez em quando.
  
Comumente uso os "queijos" vegetais que eu mesmo faço e quando opto por produtos de origem animal priorizo os com baixo teor de gordura como queijos brancos, mussarela light, peito de peru e margarina light.

Gosto de enriquecer os sanduíches com alface picada, cenoura e cebola ralada, pedacinho de azeitona e rodelas de tomate. Coloco sempre um pouco de orégano ou majericão que dá um sabor todo especial.           

              
                                                          
Se não tiver pão em casa e eu tiver que "lançar mão" de produtos industrializado, vou de bolachas e torradas integrais e de barras de cereais.


Todos os dias mando uma fruta diferente. Claro que as preferidas são maçãs, pêras, uvas e bananas pela praticidade em carregá-las. Mas muitas vezes seguem potinhos com frutas picadas como manga, mamão, melão, melancia, morangos.


Bebidas eu quase nunca incluo no lanche, mas quando incluo nunca são sucos naturais. As poucas vezes que levam bebida são sucos de caixinha ou água de coco (também de caixinha). Iogurtes, danones e achocolatos seguem uma vez na vida e outra na morte.

Um lanche que eles curtem muito é pipoca (frito sem óleo). Sucesso garantido!!!

Doces só quando em faço em casa, feitos com açúcar mascavo, mel ou frutose.

Quando tenho várias opções de lanche em casa, tento convidá-los a escolher o que gostariam de comer no dia seguinte.

Se meus filhos gostam destes lanches? Eles não reclamam, raramente trazem lanche de volta pra casa e muitas vezes até dizem que estava uma delícia... mas eu sei que se eles pudessem escolher certamente escolheriam as opções muito menos saudáveis e ficariam muito mais felizes com suas próprias escolhas... mesmo assim eu prefiro apostar e acreditar que um dia reconhecerão a importância da alimentação saudável e optarão por ela por eles mesmos. Quem sabe, não é???

Além disso, pelo menos uma vez a cada 15 dias damos dinheiro para comprar o lanche na cantina da escola e desta forma fazer um pouco a "alegria" da garotada!!!


Fonte das Imagens: Google Imagens


12 comentários:

Juliana Palombo disse...

Nossa amei o cuidado e a criatividade na alimentação. Deve ser um baita desafio, tratando se justamente das tentações podres q o mundo oferece.... Mas.eles reconhecerao sim, tenho certeza. Até pq, sabemos bem q essa eh a vontade de Deus...

Renata Palombo disse...

Tomara Ju!

Vanessa de Lima Rosa disse...

Que legal seu depoimento sobre o lanche das crianças.

Também escrevi sobre o assunto no portal Tudo para Vegetarianos. Acho que o título é lancheira saudável, caso vc queira ler.

Meus filhos ficaram na escola poucos meses. Em casa comemos apenas 3 refeições. Eles comem bem melhor assim.

Mas, eu tbm pesquiso os lanchinhos industrializados para os imprevistos.

Tem um salgadinho da marca Mais Vita, que é integral, orgânico e tem gosto de salgadinho normal.

De vez em qdo meus pequenos também comem aquelas bolinhas brancas recheadas de amendoim da marca Elma Chips, pq não tem aditivos, nem gordura vegetal.

Vou passar mais vezes por aqui. Gostei muito dos seus textos.

Bjs.

Renata Palombo disse...

Vanessa, vou passar por la pra ler seu texto sim... Obrigada pelo comentário!!

Débora Orsida Farias disse...

Nossa Renata... aprendo sempre com vc e quero ser uma mãe assim... como vc. Obrigada pelo exemplo.

Renata Palombo disse...

Puxa, Débora, não quero ser exemplo para ninguém, aprendo todos os dias a ser mãe!! Vc será uma ótima mãe sim!!! Obrigada pelas palavras...

Alex Trindade disse...

Com certeza é um grande desafio preparar o lanche deles, mesmo pq sabemos que se não for algo saboroso eles não irão curtir, principalmente quando se trata de concorrentes de "bugigangas"...Mas como a Rê falou, tentamos diversificar bastante, pois além do benefício saudável, o "Sr. Diego" não fica pedindo dinheiro para comprar os salgados e doces da cantina....rsrs

Juliana Palombo disse...

Vou publicar esse texto em um grupo de receitas q participo será sucesso

Don Moroni disse...

Bom dia pessoal.
A juliana me pediu para dar alguma dica, porém é difícil, pois cada caso é um caso.
Minha filha por exemplo:
Ela é a famosa "Menina Brócolis" kkkk, brincadeiras a parte mas ela adora brócolis, couve flor, alface, tomate, arroz, feijão e uma carninha.
Parece brincadeira mas as vezes ela pede pra mandarmos em sua lancheira tomate, pois ela adora. Ela bate uma prato de arroz, feijão, qualquer carne, legumes em geral e não pode faltar a salada.
Na minha casa não fazemos fritura de forma alguma e raramente ela pede algo que não seja saudável, pois como venho do interior, tenho o costume de comer muitas frutas e legumes.
Acredito muito na conversa e principalmente no exemplo, pois desde bebê ela come tudo muito natural, como a juliana sabe, faço tudo em casa, geléias naturai, patês a base de ricota e temos prazer em elaborar os alimentos em casa. minha filha tem apenas 5 anos e já fala que quando crescer que ser cozinheira como eu.
Quanto a dieta vegetariana, não sou contra, mas sei que não é fácil fazer as crianças seguí-la, porém se um dia a minha filha quiser ser vegetariana darei todo o apoio.
Um abraço a todos.

Don Moroni disse...

Bom dia pessoal.
A juliana me pediu para dar alguma dica, porém é difícil, pois cada caso é um caso.
Minha filha por exemplo:
Ela é a famosa "Menina Brócolis" kkkk, brincadeiras a parte mas ela adora brócolis, couve flor, alface, tomate, arroz, feijão e uma carninha.
Parece brincadeira mas as vezes ela pede pra mandarmos em sua lancheira tomate, pois ela adora. Ela bate uma prato de arroz, feijão, qualquer carne, legumes em geral e não pode faltar a salada.
Na minha casa não fazemos fritura de forma alguma e raramente ela pede algo que não seja saudável, pois como venho do interior, tenho o costume de comer muitas frutas e legumes.
Acredito muito na conversa e principalmente no exemplo, pois desde bebê ela come tudo muito natural, como a juliana sabe, faço tudo em casa, geléias naturai, patês a base de ricota e temos prazer em elaborar os alimentos em casa. minha filha tem apenas 5 anos e já fala que quando crescer que ser cozinheira como eu.
Quanto a dieta vegetariana, não sou contra, mas sei que não é fácil fazer as crianças seguí-la, porém se um dia a minha filha quiser ser vegetariana darei todo o apoio.
Um abraço a todos.

Anônimo disse...

Valew as dicas Ré ! Ando muito preocupada com isso aki em ksa !! Eles não comem bolachas, nem bolos, já saem de casa comendo fruta, então as opções de lanche ficam muito restritas. Vou tentar os patês como vc sugeriu !

Joyce Martins disse...

Preciso me corrigir 100%no quesito lanches,tenho deixado mto a desejar!
Certamente q vc tá super certa Re,vou priorizar mais essa parte aqui em casa,preparar com antecedência pra n haver desculpas,costumo comprar e quase n faço nada...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...