segunda-feira, 9 de setembro de 2013

Preparando os filhos para a Vida

Escrito por Michelle Silva
Postado por Renata Palombo
Fonte: Arquivo Pessoal
 
A convidada de hoje para dividir conosco suas descobertas com a maternagem é Michelle Silva... Um texto reflexivo e cheio de otimismo... Vale a pena ler e compartilhar!!!
 
"Desde os primórdios até os dias de hoje, toda mãe tem o papel de criar, educar e preparar seu (s) filho (s) para a vida. Entretanto com o passar do tempo, com todas as conquistas que obtivemos junto às lutas pela igualdade entre os sexos, o grau de dificuldade desta tarefa tem aumentado cada vez mais.
 
Nossas avós pertenceram à época em que ter vários filhos era comum, hoje em dia é praticamente uma missão impossível, a menos que se tenha recursos para manter um exército sempre atento aos pimpolhos, não que nossas avós não tivessem afazeres, mas hoje o tempo que nos resta livre é bem menor. 
 
É complicado ter que ser uma profissional exemplar, uma amiga exemplar, uma mulher exemplar, uma filha exemplar, uma estudante exemplar, uma dona de casa exemplar, uma companheira exemplar, dentre muitos outros papéis assumidos pelas mulheres hoje em dia e ainda desempenhar o papel de uma mãe exemplar. 
 
Depois de um dia exaustivo que parece acabar com todas as nossas energias, tudo muda ao receber um doce sorriso, um abraço, ouvir um “mãe eu te amo” da pessoa que mais trouxe sentido a sua vida! 
 
Temos muito a ensinar a eles... ensinar valores que os tornem pessoas de bem neste mundo tão carente disso, ensinar que devem cuidar das suas coisas e desde já do planeta, ensinar a dar mais valor as pessoas do que as coisas, ensinar a respeitar o próximo, ensinar a respeitar os sentimentos dos outros, ensinar a respeitar as diferenças, são tantas coisas que temos a ensinar... mas acima de tudo temos muito a aprender com eles, começamos aprendendo a melhor forma de ensinar... 
 
Em um mundo onde a grande maioria das pessoas são vistas como meros objetos para observação, a coisificação do corpo, o valor dado mais a marcas do que a valores, modas que levam cada vez mais à futilidade, ao vazio dentro de si.
 
Aí é que está o nosso grande desafio mães de hoje! Levar afeto, mas sem deixar que falte o respeito, manter a casa, mas sem deixar que se percam os valores de um lar, impor limites, mas sem deixar que se criem muros, ensinar a viver em um mundo onde há muita coisa errada, mas sem deixar que eles se percam nestes erros, dizer não, mesmo se sentindo culpada por estar ausente, amar incondicionalmente mesmo durante um desentendimento... E no fim dessa árdua, mas gratificante jornada ver que eles irão crescer que seguirão seus caminhos e que serão pessoas de bem e do bem, que nos encherão de orgulho e nos mostrarão que valeu a pena cada instante, cada lágrima, cada sorriso, cada palavra e cada gesto! 
 
Filhos são uma preocupação para toda a vida, cada fase uma preocupação diferente, mas nunca deixarão de ser uma fonte de alegria incontestável e inesgotável! Então façamos como nossos pais, nos preocupemos agora, fiquemos de cabelos em pé agora e quando chegar a vez deles de se tornarem pais, que fiquem com todas as preocupações, responsabilidades e aprendizados, enquanto poderemos desfrutar de nossos netos da forma mais divertida possível, afinal é isso que fazem as avós."

2 comentários:

Anônimo disse...

Miii

vc é uma mae muito fofa e tem um filho de ouro... sinal de que o otimismo tem eficácia!

Obrigada por dividir conosco a sua historia.

Beijos
Juliana Palombo

António Jesus Batalha disse...

Estou alegre por encontrar blogs como o seu, ao ler algumas coisas,
reparei que tem aqui um bom blog, feito com carinho,
Posso dizer que gostei do que li e desde já quero dar-lhe os parabéns,
decerto que virei aqui mais vezes.
Sou António Batalha.
Que lhe deseja muitas felicidade e saúde em toda a sua casa.
PS.Se desejar visite O Peregrino E Servo, e se o desejar
siga, mas só se gostar, eu vou retribuir seguindo também o seu.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...